Missionária com criança no colo

Missão na Venezuela e o poder da oração

“Confesso que quando eu soube que os missionários [do Brasil] não viriam mais chorei muito, acho que passei um dia chorando na verdade, porque não entendia o que Deus queria com tudo isto”.

Mudança de Planos

O desejo da Missão na Venezuela, “Duc in Altum 2019”, era evangelizar em Ciudad Bolívar. Ao todo 33 pessoas, entre padres, missionários e voluntários estavam indo para ajudar a fraternidade que atua no local.

Missionária com criança no colo
Missionária com criança no colo.

No dia que embarcaram, logo mais à tarde as fronteiras com Venezuela foram fechadas por ordens de Nicolás Maduro. Não foi possível a entrada desse apoio no país.

Mas, mesmo contando com muito menos pessoas, os missionários do local decidiram seguir com a programação da “Duc in Altum” e já estão colhendo os frutos de Deus na vida das pessoas.

“A gente planejou esta missão desde maio do ano passado. A gente sonhou e até buscamos pessoas para ajudar. Confesso que quando eu soube que os missionários [do Brasil] não viriam mais chorei muito, acho que passei um dia chorando na verdade, porque não entendia o que Deus queria com tudo isso.

Mas a gente tem reconhecido que Deus tem atuado da mesma maneira e com a mesma intensidade. Celebramos uma Missa aqui em um edifício, no estacionamento, e foi muito bonita.

Uma senhora contou que no momento que os missionários chegaram na casa dela para chamar para Missa tinha acabado de receber uma notícia do seu filho, que mora na Argentina.

Ele estava passando por um momento difícil na saúde e precisava de uma vaga na sala de cirurgia. Ela ficou muito preocupada e bem na hora que ela recebeu a notícia os missionários chegaram e rezaram com ela.

Depois que foram embora ela recebeu outra ligação, onde disseram que seu filho tinha conseguido o que precisava. A gente vê a graça de Deus acontecendo; com pouco ou com muito o que Deus tem que fazer, Deus faz”.

Luana Vieira, 27 anos – Missionária da Aliança de Misericórdia, atualmente em missão na Venezuela.

Leia mais: Conheça a história por trás da “menina do pão”

<

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password