Ícone de São José com o menino Jesus

Uma saudação a São José

José devotou sua vida aos cuidados de Jesus e Maria. Vivendo do trabalho de suas mãos, como carpinteiro, sustentou sua família com dignidade e exemplo.

Homem piedoso

Ele consagrou o menino Jesus no Templo, logo depois que nasceu. Este ato só era praticado na época por judeus muito piedosos. Ele também levava sua família regularmente às peregrinações de seu povo em Jerusalém, como, por exemplo, na Páscoa.

Foi numa dessas peregrinações em que, na volta para Nazaré, o menino Jesus ficou em Jerusalém conversando com os doutores da lei. O menino tinha, então, doze anos.

José e Maria, aflitos, voltam ao templo e encontram o menino Jesus debatendo com os doutores da lei.

Nesta ocasião, Jesus afirma que “Tinha que cuidar das coisas de seu Pai”. Esta é a última vez que o pai de Jesus é mencionado nas Sagradas Escrituras.

Todos os indícios levam a crer que José faleceu antes de Jesus começar sua vida pública. Caso contrário, ele certamente teria sido mencionado pelos evangelistas, como o foi Maria.

Exemplo de pai

Com certeza José foi um pai que ensinou ao seu filho o caminho da justiça, da verdade, do amor e do conhecimento da Palavra de Deus. Não é à toa que ele é chamado de “Justo” desde os Evangelhos. Por isso, é um dos maiores santos de todos os tempos.

Saudação

Eu te saúdo, José, a
quem a graça de Deus encheu.
O salvador descansou entre seus braços e cresceu diante dos olhos seus.

Tu és bendito entre todos os homens e Jesus,
o filho divino de sua virgem esposa é Bendito.

São José, dado como pai ao Filho de Deus,
rogai por nós em nossos cuidados de família, saúde e trabalho, até nossos últimos dias,
e dignai-vos ajudar-nos na hora da nossa morte.

Amém.

Segundo Fonte de Cruz Terra Santa
Leia também: Novena de São José

<

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password