Visita aos enfermos acometidos pela COVID-19

A Igreja não deve, em hipótese alguma, abandonar os seus fiéis que padecem enfermos. Foi assim ao longo da história, que no calvário da enfermidade, milhares de pessoas foram confortadas com a presença de Cristo através dos sacramentos.

Orientações para visitas dos enfermos

Não deveria ser diferente neste período de pandemia onde milhares de pessoas estão nos hospitais. A Arquidiocese de São Paulo, por exemplo, emitiu nota orientando os padres e diáconos sobre como realizar as visitas:

“Diante das solicitações para a administração da Unção dos Enfermos à pacientes com COVID-19, lembramos que o Ministério da Saúde estabeleceu normas bastante rígidas para o acesso aos mesmos. É necessário seguir essas orientações para nossa própria segurança e a das demais pessoas” orienta, o Cardeal Dom Odilo.

Levar o sacramentos

Uma das situações mais dolorosas é a impossibilidade de aproximação com o doente, impedindo assim que ele receba a eucaristia. Sobre isso, a nota ressalta que se deve respeitar esta decisão e que com isso “confiemos o enfermo à misericórdia Divina. De toda forma, não deixemos de confortar a família, que poderá transmitir ao doente, de alguma forma, a oração e a atenção da Igreja por ele“.

Mesmo com todo o rigor da segurança é possível levar algum conforto não só aos enfermos, mas a toda a equipe médica envolvida.

A Misericórdia não tem limites

Foi o que aconteceu na cidade de Juazeiro do Norte. A missão da Aliança de Misericórdia presente na cidade organizou uma visita inesperada. Acompanhe o relato e as imagens:

“No domingo da Ressurreição vivemos uma experiência incrível! Fomos levar a presença de Jesus Eucarístico ao Hospital Regional do Cariri (Juazeiro do Norte, CE), que é um dos maiores da nossa região e para onde estão sendo encaminhados os casos suspeitos de Coronavírus da cidade.

Fizemos um momento de adoração na entrada com os médicos e enfermeiros (nossos valentes guerreiros) e depois saímos em procissão pelos seis andares do Hospital, passando de quarto em quarto, de sala em sala, levando o consolo de Deus e Suas bençãos por onde íamos passando.

Pode interessar: Saiba como os missionários estão reinventando a evangelização em tempos de quarentena

Foi uma experiência muito forte. Um presente do Céu nesse Domingo de Páscoa!

Que o Senhor continue derramando a sua Misericórdia sobre todos os nossos enfermos e Seus ‘bons samaritanos’, nossos profissionais de saúde. Vocês não estão sozinhos. Nós, Aliança de Misericórdia, Igreja, povo de Deus, estamos com vocês!”

Em nota na rede social Facebook, o Hospital agradeceu o gesto dos missionários.

 

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password