fbpx

Associação Aliança de Misericórdia é a primeira OSC a implementar o Programa Famílias Fortes

O programa “Famílias Fortes” está sendo implementado na região de Taipas, em parceria com a Aliança de Misericórdia, por meio das atividades realizadas pela Capela São Marcos, onde missionários do Movimento e voluntários têm atuado de forma intensa no Arvão e Botuquara. A cerimônia de oficialização do acordo de cooperação foi assinada no dia 2, na Casa de Formação – Sítio Botuquara.

Para a cerimônia, estiveram presentes a Dra Ângela Gandra, Secretária Nacional da Família, e membros da Aliança de Misericórdia: Diácono Denilson Dulianel, administrador e responsável pelas atividades da Capela São Marcos, Bia Hauptmann, diretora de Desenvolvimento Institucional, Cristiane Araújo, coordenadora de Relacionamento Institucional, e Luiz Fernando Tabosa, missionário, psicólogo e um dos facilitadores do projeto (aqueles que acompanharão as famílias nos encontros formativos).

Programa Famílias Fortes

O programa Famílias Fortes é uma iniciativa internacional, adaptada à realidade brasileira pelo Governo Federal, por meio da Secretaria Nacional da Família e Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

A implementação do programa é feita em parceria com municípios, Instituições Federais e Organizações da Sociedade Civil (OSC). A Associação Aliança de Misericórdia foi escolhida como a primeira OSC para a inserção do programa numa comunidade.

O Famílias Fortes, tem por objetivo promover o bem-estar dos membros da família, fortalecendo os processos de proteção e construção de resiliência familiar e reduzindo os riscos relacionados a comportamentos problemáticos, tais eles: o consumo de álcool e drogas, o abandono escolar, o envolvimento com violência, a iniciação sexual precoce e a gravidez na adolescência¹.

Bia Hauptmann, Dra. Ângela e Diácono Denilson durante assinatura do acordo

Parceria com a Aliança

O trabalho atenderá até 60 famílias, com filhos de 10 a 14 anos. Se desenvolverá por meio de encontros em três etapas: 1- somente com os pais ou responsáveis; 2- somente com os filhos e; 3- com a presença dos pais/responsáveis e os filhos.

Após o término do período do programa, serão ainda apresentados os projetos da Capela São Marcos, para que as famílias que desejarem possam se engajar em alguma iniciativa, o que também gera uma manutenção no relacionamento entre a instituição e as famílias da região, somando forças a elas para o bom êxito nos desafios do cotidiano.

Durante cerimônia

Na abertura da cerimônia para assinatura do acordo, Bia Hauptmann disse:

 

“Essa parceria foi um presente enorme, porque veio de encontro com aquilo que nós vemos que essas famílias, crianças (do entorno) precisam”.

O tráfico, a evasão escolar, a gravidez precoce…, fazem parte dessa realidade, agravada pelo tempo da pandemia, como continuo a diretora: “Nesse tempo de pandemia, tudo ficou ainda mais difícil, porque as crianças não tinham nem acesso à escola. Esse momento para nós é muito especial e estamos muito felizes por poder assinar esse acordo”.

Para o Diácono Denilson Dulianel, que será o articulador do projeto Famílias Fortes, entre a Secretaria Nacional da Família e a Aliança de Misericórdia, essa parceria vem agregar em muito aos trabalhos que a Capela São Marcos já vem realizando.

Nós nos encontramos numa região com alta vulnerabilidade. Esse projeto vem para auxiliar as pessoas que aqui frequentam, para conseguirem alicerçar melhor a vida familiar e o relacionamento com filhos, para que dentro da realidade que vivem possam ter condições de se manterem juntos, trazendo harmonia e paz ao lar”.

Na sequência, a Dra. Ângela Gandra apresentou a iniciativa do projeto, sua finalidade e a urgência de termos famílias fortalecidas nos laços afetivos. Agradeceu o acordo para trabalho conjunto e sublinhou o fato de sermos a primeira OSC a assinar esse acordo, abrindo campo para o estudo dessa aplicação.

“É uma alegria poder celebrar esse acordo, um primeiro que nos levou a estudar esse trabalho com a sociedade civil (…).

Nos dá muita alegria trazer esse Programa. Vocês foram um caso pioneiro no estudo do Ministério para assinar um acordo de cooperação técnica com uma OSC. Vocês têm uma realidade no entorno de, aproximadamente, 3500 famílias vulneráveis, que necessitam de conscientização, informações… de ajudas para reconstituir suas relações (…). O “Famílias Fortes” vai fortalecer efetivamente toda a região, a partir de cada família.

Agradeço muito o trabalho de vocês. Cada [acordo] que assinamos, pensamos assim: ‘aqui está a mudança do Brasil’. Vamos juntos, agradeço a cada um por realmente apostar nas famílias fortes, que vão mudar essa nação e o mundo”, conclui a secretária.

Inscrições para o projeto

As famílias interessadas já podem fazer a inscrição por telefone: (WhatsApp) (11) 99696-0550 ou presencialmente na Capela São Marcos (5ºfeira, das 15h às 17h ou aos sábados, das 15h às 18h).

Local de concentração: Capela São Marcos – Rua Nilo Bruzzi – 3A – Sítio Botuquara – São Paulo/SP

As dúvidas e as informações sobre a organização dos encontros poderão ser esclarecidas pelo número (WhatsApp) (11) 99696 0550.

Para inscrição, é preciso: ter em mãos o RG dos pais (ou responsável), e dos filhos; os filhos (ou algum deles) terem entre 10 e 14 anos e residir nas proximidades citadas. Além disso, ter disponibilidade de participação nos encontros presenciais, às sextas-feiras, das 19h às 20h.

Atuação da Aliança

A Aliança de Misericórdia mantém uma atenção às pessoas em situação de vulnerabilidade, resgatando a dignidade, ofertando oportunidades, sendo ponte de transformação, apoiando nas necessidades básicas, como alimentação e educação, entre outras…

Esse apoio social acontece por meio de projetos em diversas cidades do Brasil e no mundo (para crianças, jovens, adultos, famílias e idosos), e também por meio das atividades de evangelização, que vão ao encontro dos mais necessitados, nas ruas e comunidades carentes.

Com a ajuda de parceiros e benfeitores que acreditam e apoiam as iniciativas, conseguimos atender mais de 27 mil pessoas nas ações sociais, em 2021. E, embora as atividades sejam muitas, os desafios também crescem continuamente.

Por isso, a cada parceria firmada, alegramo-nos profundamente, pois conseguimos ampliar assim o número de atendidos nos territórios. Desta forma, com o programa Famílias Fortes, temos motivos para sonhar, agradecer e levar esperança às famílias mais carentes, que sofrem com o medo do futuro de seus filhos.

Capela São Marcos

A Capela São Marcos foi erguida em 2004. Em julho de 2021, as atividades desenvolvidas ali foram intensificadas, sob responsabilidade do Diácono Denílson Dulianel, membro da Aliança, que assumiu essa missão junto com uma equipe.

O trabalho tem sido realizado com ações sociais, Missas e catequese para adultos e crianças, atendendo a população carente da região do Botuquara e Arvão. As atividades podem ser acompanhadas pelo perfil no Instagram.

 

¹- https://www.gov.br/mdh/pt-br/navegue-por-temas/familia/familias-fortes-1

 

0 Comments

    Leave a Comment

    Login

    Welcome! Login in to your account

    Remember me Lost your password?

    Lost Password