fbpx

Tipos de Jejum para a Sexta Feira da Paixão: como fazer

O jejum e a abstinência são práticas que a Igreja sempre adotou e recomendou, formas de educar nossa vontade, purificar nossa carne e nos colocar através da renúncia e da oração mais próximos de Deus.

Durante os mais de dois mil anos de Igreja o jejum sempre esteve presente na vida dos santos e dos fíeis católicos que buscam viver sua fé de maneira mais concreta.

A Igreja Católica no código de direito canônico prevê 2 dias de Jejum para os fiéis, na Quarta-Feira de Cinzas e na Sexta-Feira Santa.

Já a abstinência de carne de animais de sangue quente (carne de vaca, frango, porco, etc) é prevista todas as sextas feiras do ano, com exceção de dias de solenidades previstos pela Igreja (Natal, Páscoa, Imaculada Conceição de Maria, etc).

Na Aliança de Misericórdia, buscamos viver as 5 pedrinhas e elas nos pedem o jejum às quartas e sextas feiras.

 

Quem precisa fazer Jejum:

Segundo o código de direito canônico adultos de idade até 59 devem fazer o jejum prescrito pela Igreja.

No Brasil a Conferencia Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), oferece a possibilidade da troca da abstinência de carnes às sextas feiras caso o fiel cumpra uma obra de misericórdia.

 

Conheça os tipos de Jejuns:

Jejum da Igreja:

O Jejum da Igreja consiste em eliminar o almoço ou a janta da refeição, toma- se o café da manhã e depois só se faz mais 1 refeição leve. Esse jejum é recomendado para todo o tipo de pessoas, pois beber água e tomar remédios não quebra o jejum.

Jejum Pão e Água:

O jejum pão é água consiste em comer apenas pão e beber apenas água durante o dia todo, esse jejum se encerra às 18 horas e não é recomendado para quem possui restrições de saúde.

Jejum líquido:

O jejum líquido consiste em apenas beber líquidos durante o dia, sem ingerir alimentos sólidos, estão permitidos, sucos, chás, cafés, etc. Ele não é recomendado para que possui restrições de saúde.

Jejum completo:

O jejum completo consiste em se abster de alimentos líquidos exceto água durante todo o dia, ele se encerra às 16 horas e não é recomendado para pessoas com problemas de saúde.

Abstinência:

A abstinência consiste em cortar algum alimento, seja a carne, doces, algo que você goste e é recomendado para todas as pessoas, mas atenção abstinência não é jejum, portanto não pode ser feita na sexta-feira Santa ou quarta-feira de Cinzas.

 

Como viver bem o dia de Jejum e Abstinência:

Para viver bem o dia de jejum e abstinência não basta apenas seguir o jejum a risca, a coisa mais importante a se feita é oferecer a Deus o Jejum, se colocar em oração durante o dia e buscar viver a caridade.

É importante deixar claro, que em caso de problemas de saúde, se você passar mal por algum motivo deve-se encerrar o Jejum, Deus é um pai amoroso, e não quer a morte e a doença de seus filhos.

O jejum existe para educar nossa vontade, mas não pode deixar-nos doentes ou sofrendo sem necessidade.

A prudência e o discernimento não muito importantes na hora de se fazer um jejum, com isso é possível tirar grandes proveitos espirituais desses dias que o Senhor fala mais intimamente em nosso coração.

0 Comments

    Leave a Comment

    20 − vinte =

    Login

    Welcome! Login in to your account

    Remember me Lost your password?

    Lost Password