Por que devemos ter o hábito de ficar a sós diante da Eucaristia

“Quando se adora, apercebemo-nos de que a fé não se reduz a um belo conjunto de doutrinas, mas é a relação com uma Pessoa viva, que devemos amar. É permanecendo face a face com Jesus que conhecemos o seu rosto” (papa Francisco)

Na homilia do papa Francisco, dessa segunda-feira (6), ele falou a respeito da Adoração Eucarística. Então, fica a pergunta:

Você fica diante do Santíssimo a sós com Jesus?

Quais orações você costuma fazer?

A oração pessoal durante uma hora diante do Santíssimo Sacramento, estando ou não exposto, consiste basicamente em adorá-Lo com todo coração, buscando conhecê-lo e viver o Seu amor.

A presença viva do amor

É uma hora para aprender de Jesus, agradecer Seu sacrifício e corresponder ao Seu amor.

Estar na presença do Santíssimo é como sair para tomar sol; assim como o sol é fonte natural da energia que dá vida, da mesma maneira Jesus sacramentado é a fonte sobrenatural de todo amor e graça.

Estar na presença do Senhor gera uma amizade íntima com Ele que nos entusiasma na vida – algo que não se alcança com estudos teológicos, por exemplo.

Leia também: O Milagre da Eucaristia

É preciso conhecer mais Jesus Cristo, saber mais sobre Ele; e para isso, o trato pessoal com Jesus é fundamental. Recordemos que o verbo “conhecer”, na linguagem bíblica, significa amar.

Na adoração, Jesus nos convida a nos aproximarmos dEle, conversar com Ele, pedir-Lhe as coisas de que necessitamos e experimentar a bênção da Sua amizade.

Essa hora de adoração pode ser oferecida por várias intenções, especialmente pela conversão dos pecadores.

Durante a adoração

Não existe um roteiro estabelecido pela Igreja para fazer adoração; cada um pode seguir o seu coração nesse momento. No entanto, vale a pena recordar a necessidade do silêncio interior e do recolhimento para estar na presença de Deus.

Durante a adoração, há algumas devoções especialmente válidas, como ler o Evangelho e meditar sobre o que se leu; rezar a Via Sacra; recitar os mistérios dolorosos do terço; ler e orar sobre algum texto de espiritualidade, rezar com os salmos, etc.

Também é de grande proveito espiritual simplesmente estar na presença do Senhor, fazer-Lhe companhia, identificar-se com Jesus, oferecer-Lhe a dor pessoal para permitir que Seu consolo lhe toque o coração e o encha de paz interior, receber sua inspiração Divina para encontrar luz nas dificuldades.

Leia também: Eucaristia, centro da vida da Igreja e da Família

Recomendações durante a adoração

Há três recomendações importantes ao fazer a adoração Eucarística:

  1. 1Estar atentos. Não dar espaços para as distrações. Desligar o celular, por exemplo.
  2. Recordar: não é uma hora de leitura aleatórias.
  3. Estar alerta. Alternar posições: sentar-se, ajoelhar-se, ficar em pé com respeito. O importante é não ficar em uma situação tão cômoda, a ponto de dormir.

Como já foi dito, não existe um “rito” a ser seguido na hora da adoração. No entanto, o fiel pode levar em consideração a seguinte sugestão de roteiro, dada pelo Pe. Henry Vargas Holguín, editor de um site de notícias católicas.

  1. Fazer o sinal da cruz.
    2. Oração de preparação (espontânea ou já existente).
    3. Leitura espiritual (de livre escolha) e meditação. Lectio Divina.
    4. O santo terço e/ou Via Sacra e/ou liturgia das horas.
    5. Oração pessoal. Privilegiar este momento.
    6. Comunhão eucarística espiritual (por meio de uma oração pessoal ou já existente).
    7. Contemplação do Santíssimo.
    8. Louvores de desagravo e reparação.
    9. Oração final (pessoal ou já existente).
    10. Sinal da cruz.

Na adoração eucarística, o mais importante é deixar-se amar e abraçar pelo Senhor em cada momento, isto é, entrar em Sua intimidade.

“Sou um cristão adorador? A pergunta impõe-se-nos, pois muitos cristãos que rezam, não sabem adorar. Encontremos momentos para a adoração ao longo do nosso dia e criemos espaço para a adoração nas nossas comunidades”. 

Leia mais sobre a homilia do papa Francisco, sobre a solenidade da Epifania do Senhor 

Adoração Eucarística 24h

A Aliança de Misericórdia tem a alegria de, desde 2009, custodiar a única igreja da capital paulista com adoração perpétua: a Igreja de Nossa Senhora da Dormição ou Nossa Senhora da Boa Morte.

Complemente sua leitura: Jesus está presente! Como estar mais perto da Eucaristia

Visite a Igreja de Nossa Senhora da Boa Morte:
Rua do Carmo, 202 – Centro – São Paulo
Próximo ao Metrô e ao Poupatempo da Sé

 

Fonte: Aleteia

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password