Fátima 100 anos – Aparições do Anjo

Segunda Aparição do Anjo

Francisco, com 8 anos de idade, e Jacinta, com 6, começam a pastorear o rebanho de seus pais.

Na Segunda e Quarta Memórias de Lúcia, redigidas respetivamente em 1937 e 1941, Lúcia deixa o registo mais completo das aparições do Anjo, por três vezes, na primavera, verão e outono, aos três pastores de Fátima, Jacinta, Francisco e a própria Lúcia. O Anjo, que se apresenta como Anjo da Paz e ainda como Anjo de Portugal, convida-os a uma vida comprometida com os «desígnios de misericórdia» de Deus.

Local: Quintal da casa de Lúcia, junto ao Poço do Arneiro
Data: verão de 1916

Quintal da casa de Lúcia, Aljustrel/Portugal
Quintal da casa de Lúcia, Aljustrel/Portugal.

“Que fazeis? Orai! Orai muito! Os Corações de Jesus e Maria têm sobre vós desígnios de misericórdia. Oferecei constantemente ao Altíssimo orações e sacrifícios”.

-Como nos havemos de sacrificar? – perguntei.

 “De tudo que puderdes, oferecei um sacrifício em ato de reparação pelos pecados com que Ele é ofendido e de súplica pela conversão dos pecadores. Atraí, assim, sobre a vossa Pátria a paz. Eu sou o Anjo da sua guarda, o Anjo de Portugal. Sobretudo aceitai e suportai com submissão o sofrimento que o Senhor vos enviar”.

Memórias da Irmã Lúcia I. 14.ª ed. Fátima: Secretariado dos Pastorinhos, 2010 p. 170 (IV Memória).

* Com fonte do site fatima.pt 

 

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password