Ester: um exemplo de coragem e sabedoria

"Prostrada de manhã até a noite rezava. De fato, Deus a escolheu e usou da sua beleza pra salvar um povo"(Criação- Aliança de Misericórdia).

Setembro de 2020 – Ofertar a vida por aqueles que o Senhor te confia

“Se for preciso morrer, morrerei” (Est 4,16)

Como já sabemos, nosso Deus desde sempre dando-nos a vida estabeleceu um plano eterno para as nossas vidas, convidando-nos a respondê-Lo com amor e generosidade. Sem dúvidas, não somos criados somente para uma vida individual e egoísta, ou para comer e procriar, mas Ele quer a nossa plena colaboração para atualizar os Seus desígnios divinos nesta terra exercendo a missão de “salvar as almas”.

É disto que quero falar: eu e você somos importantes para o nosso Senhor Jesus. Assim, usaremos a história de Ester com a finalidade de encontrar alguns traços bíblicos-espirituais sobre os planos sobrenaturais sobre cada um de nós. Vejamos o texto bíblico:

Então Ester mandou este recado para Mardoqueu: “procura reunir todos os judeus que se encontram em Susa, e fazei um jejum por mim. Nada comeis e bebais durante três dias e três noites. Também eu com as minhas escravas jejuarei da mesma forma. Depois me apresentarei ao rei, mesmo contrariando o preceito. Se for preciso morrer, morrerei” (Est 4,15-16).

BAIXE O WALLPAPER DA PALAVRA DO MÊS DE SETEMBRO

Deus presente nos fatos

Ester era uma hebreia, parte de um povo discriminado e perseguido (Est 2,5-7). Perdeu os seus pais ainda quando criança, sendo criada pelo seu tio Mardoqueu. Eles viviam como escravos de Assuero, rei da Babilônia.

Por providência divina, foi escolhida como rainha, devido a sua esplêndida beleza no meio das outras mulheres do reino: “e o rei amou a Ester mais do que a todas as mulheres, e alcançou perante ele graça e benevolência mais do que todas as virgens; e pôs a coroa real na sua cabeça, e a fez rainha em lugar de Vasti” (Est 2,17).

Logo podemos evidenciar um aspecto: Deus tendo abençoado o povo Judeu desde Abraão até os profetas, vê-se que Ele nunca o abandona. É interessante que nos textos do livro de Ester, Deus não fala, não aparece a ninguém, mas Ele está presente nos fatos, na história e na vida do povo.

O livro de Ester propõe a interpretação de que Ele está presente como Providência, usando a história, a transformá-la segundo os Seus desígnios. Os judeus podem ser escravos, o mal pode querer acabar com eles, mas Deus se revela sempre como um Deus vivo que ama os Seus filhos, sem desistir deles.

“Se for preciso morrer, morrerei” (Est 4,16)

O caos do mundo

Pode ser que você e eu vivamos momentos que não entendemos, e assim nos sentimos apedrejados, caluniados, oprimidos, rejeitados. Parece que tudo morreu. Lembre-se que Ele está presente! Esta afirmação poderá nos dar esperança. Olhamos o mundo de hoje e vemos somente enfermidades, guerras, violências, abortos, mortes pela ganância no dinheiro.

Será que tudo está acabado? Posso te afirmar que não! Precisamos acreditar que temos um Deus vivo que age através das situações incompreensíveis da história.

Ester mesmo vendo o risco e a possibilidade de morte que o seu povo enfrentava, não ficou paralisada, mas prosseguiu confiante. Esta mulher é a imagem da pessoa que crê na força e na ação de Deus e, por isso, se abandona. Sendo rainha, poderia manter o sigilo da sua origem, continuando a esconder que era descendente do povo judeu. Ao contrário, corajosamente, ela opta pela verdade com amor e sabedoria.

BAIXE O WALLPAPER DA PALAVRA DO MÊS DE SETEMBRO

A verdadeira beleza

Como vimos, Ester foi escolhida porque era a mais bela de todas as mulheres do reino. Seguramente, era uma mulher ornada de joias, sempre expressando beleza para servir e dar-se ao rei, o seu esposo.

Nos tempos atuais, a estética, a beleza física, o expor o próprio corpo, o mostrar-se atraente é o que tem prevalecido. Como é possível revelar a beleza de Maria, a mãe de Jesus como modelo para os nossos tempos? Se, não formos atentos, viveremos no ciclo da atualidade e esqueceremos que em muitos momentos “tudo é vaidade, tudo é um mero “aparecer-se”!

Na história de Ester, a sua beleza não é revelada somente na sua forma física, mas, nos seus valores, nas suas atitudes que conduzem a viver o “temor ao seu Deus”.

Veja, você pode ser uma pessoa bonita, inteligente, capaz. Porém, será que se deixou atrair pelas coisas do mundo, pela estupidez da vida que passa?

“Se for preciso morrer, morrerei” (Est 4,16)

Se adentrarmos nos textos do livro de Ester, vemos que Deus usou da beleza dela para realizar um dos Seus planos para o povo de Israel. Observe que Deus é sempre providente, e assim, devemos permitir que use cada um de nós para que se cumpra os Seus desígnios. Recorde que “corromper-se na vida é muito fácil, mas ser de Deus necessita de uma escolha concreta e radical”.

Escolhida por Deus além das aparências

Para que o seu povo seja livre da morte, Ester decide ir contra o preceito decidindo morrer, se preciso for. Ela se prepara com jejum e oração, totalmente abandonada e confiante no seu Deus e Senhor. Prostrada de manhã até a noite rezava. De fato, Deus a escolheu e usou da sua beleza pra salvar um povo.

Queridos, precisamos acreditar! Se você se sente um nada, se pensa ser apenas um número na Igreja, na comunidade, no mundo, não se esqueça que você é desde toda a eternidade “um escolhido”, um “filho eleito e amado”. Deus tem um plano de amor eterno sobre você!

Jejue, reze e permaneça fiel ao Senhor, porque Ele vai fazer grandes coisas através do seu pequeno sim. Você precisa somente estar disposto, porque tua vida é instrumento de salvação para um povo, pois somos a Igreja de Jesus, uma comunidade a morrer, se necessário for. Se você percebeu, Ester era disposta a dar a vida, tendo a consciência de que o seu Deus tudo faria.

BAIXE O WALLPAPER DA PALAVRA DO MÊS DE SETEMBRO

Dar a vida

O nosso chamado não se realiza estando em cima do muro. Temos que nos decidir. Precisamos dar a vida, prontos a morrer para que o plano de Deus se realize através de nós. Prepare-se constantemente na oração, jejum, comunhão e adoração eucarística, seguindo em frente mesmo diante dos perigos e situações que parecem impossíveis de se resolver.

Contudo, estando em Deus e crendo que Ele te escolheu desde sempre para a salvação de um povo, sua vida se tornará testemunho vivo de Deus na sua família, na comunidade, nas evangelizações e serviços pastorais. Assim, você fará a diferença.

Não desista, vá em frente, acredite! Oferte sua vida por amor a Deus, corajosamente, confiando nele. Há um povo que precisa do seu SIM!

Deus te abençoe!

Pe. Antonello Cadeddu

Fundador

Tenha acesso também à versão podcast da Palavra do Mês

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password