Encontro Thalita Kum em Moçambique

Nos dias 3 e 4 de março, aconteceu na fraternidade Nossa Senhora de Fátima, nome dado à casa dos missionários da Aliança de Misericórdia de Maputo, em Moçambique, a 2ª edição do Encontro Thalita Kum, o querigma próprio de nosso carisma.

Cerca de 35 jovens participaram do encontro, dentre eles, 1 brasileira, 1 equatoriano e 1 ruandesa, além das mamanas (mamãe) da região, que ajudaram na preparação das refeições. Também 10 jovens que participaram da primeira edição do TK, estiveram no encontro como servos.

Foram momentos de muita graça e comunhão, onde ao final, foi possível perceber no olhar de cada jovem, o quanto estavam com uma esperança nova, o quanto haviam em dois dias, sido transformados através de uma experiência profunda com o amor de Deus.

À serviço do Espírito Santo

“Para mim, servir no encontro foi um segunda forte experiência com Deus. Nunca experimentei na Igreja os carismas e mesmo depois de realizar o encontro, achava que isso estava direcionado apenas a padres e missionários, mas o que aconteceu foi diferente do que eu pensava. Recebi o batismo no Espírito Santo e agora começo a compreender o que é isso”, disse o jovem José Nicolau, que participou pela primeira vez como servo.

Ele continua a testemunhar: “recebi também o dom de orar em línguas, mas a maior experiência não foi apenas receber, mas ver que com essa experiência carismática que tive, posso ser ainda mais instrumento de Deus na vida de tantas pessoas. Durante uma das palestras do encontro, fui convidado pelos missionários da Aliança a ajudar no momento de oração e foi lá que entendi de verdade a grande experiência que havia feito com Deus. Ao impor as mãos nas pessoas e exercer a oração em línguas, sentia meu coração aquecer e na medida que o coração aquecia, mais eu rezava.

Na oração percebi o quanto Deus agia naquelas pessoas em quem eu rezava. Pela primeira vez vi uma pessoa ‘cair no repouso do Espírito’ através da ação de Deus com as minhas orações. Senti naquele momento um grande consolo de Deus, pois aquelas pessoas estavam como eu também experimentando o Seu amor. A cada dia tenho mais vontade de conhecer esse Deus e de experimentar os carismas e os dons que Deus tem a me oferecer”.

Um presente de Deus

Yvone é uma jovem de 30 anos, natural de Burundi e que mora em Moçambique há um ano e meio, sua língua materna é o inglês e o kirundi. Yvone veio à Moçambique como refugiada por conta dos conflitos políticos que ainda assolam Burundi. Em sua terra natal teve experiências com a Renovação Carismática, mas por um longo tempo não exercia os dons carismáticos que recebeu e não rezava da forma que gostava por conta da Igreja local.

Yvone não fala português, mas em meio a isso recebeu o convite para participar do Encontro Thalita Kum. Por não dominar a língua local, ao final do dia, a missionaria Ana Clara, faria o resumo das palestras para que ela compreendesse. Ao falar com a Yvone, a Ana Clara a percebeu muito emocionada. Ao iniciarem uma conversa, Yvone muito emocionada disse que esse retiro estava sendo um grande presente de Deus, que mesmo sem compreender a fundo cada palestra, estava retomando com muita alegria, uma maior intimidade com Deus, que estava muito feliz, pois depois de alguns anos, voltou a orar em línguas e sentir com muito mais forca a presença de Deus em sua vida.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password