Desejar: quarta Chave para um Pentecostes de Misericórdia

Desejar é dilatar o coração para acolher e “atrair”, de forma misteriosa, o Amor de Deus na nossa vida. O desejo é como a sede da alma. Por isso, Santo Agostinho diz que o nosso coração é feito para Deus e não encontrará paz até que não descansar em Deus!

Quarta Chave: DESEJAR

Existe uma chave no coração de cada homem capaz de abrir as comportas da Misericórdia divina e dilatar a nossa capacidade de amar que se chama o DESEJO.

Desejar é dilatar o coração para acolher e “atrair”, de forma misteriosa, o Amor de Deus na nossa vida. O desejo é como a sede da alma. Por isso, Santo Agostinho diz que o nosso coração é feito para Deus e não encontrará paz até que não descansar em Deus !

Agora podemos entender melhor porque Jesus, numa certa altura de sua vida, na festa das Tendas, uma das mais importantes festas judaicas, de pé, de alta voz, disse : “Se alguém tem sede, venha a mim e beberá, aquele que crê em mim, conforme a Palavra da Escritura, do seu seio correrão rios de água viva” (Jo 7, 37-38).

Talvez por isso, antes da sua morte, o Senhor, na intimidade da última ceia quis revelar para os seus Apóstolos a Presença do seu Espírito Santo, de forma que eles o pudessem conhecer, desejar.

Ele quis despertar neles o DESEJO do Espírito para que o aguardassem, o procurassem, o invocassem sem cessar. “Rogarei ao Pai e Ele vos dará outro Paráclito para que convosco permaneça para sempre não vos deixarei órfãos. O Paráclito, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, vos ensinará tudo, vos recordará tudo o que vos disse”(Jo 14, 15ss).

Por que o desejo é tão importante?

Porque o Espírito Santo não chega a nós pelos nossos méritos, mas, pelos méritos da Paixão, Morte e Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo, que nos dá o “Espírito sem medida”.

Nunca esqueço a oração de um meu querido filho que, enquanto vivia no pecado, no deserto de sua alma, invocou o dom do Espírito Santo com estas palavras:

“Senhor, eu não mereço,
mas eu preciso,
eu quero. Manda o Teu Espírito!”

Naquele dia ele foi batizado com poder no Espírito Santo e a sua vida foi transformada radicalmente! Hoje é um homem novo, evangelizador de fogo, instrumento dócil nas mãos do Senhor!

Os santos nos ensinam que “o Senhor nunca suscita no nosso coração DESEJOS que Ele não queira realizar” (Santa Terezinha do Menino Jesus) e que “todo desejo de amar já é amor!” (Santa Gertrudes).

Tempo favorável

Este é então o tempo de DESEJAR. Seja o desejo de Deus a chave que nos abre hoje ao dom do Espírito Santo!

Como crianças do Reino abrimos o nosso coração ao desejo do Espírito que geme em nós. A oração em línguas é a oração dos pequenos, dos pobres, dos sedentos, pois na humildade das crianças, o Espírito ora em nós com gemidos inexprimíveis, nós que não sabemos o que pedir.

Até o desejo de desejar já é Amor!

“Vinde Espírito Santo, eu tenho sede de ti, a minha alma anela a Ti, a minha carne tem sede de Ti como terra árida, sedenta, sem água!”

Os abençoo e tenham uma semana de graças no poder do Espírito Santo!

Pe. João Henrique
(Aliança de Misericórdia)

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password