Missão Thalita Kum 2020 – uma missão que se alastra

“Os pés da “Imaculada do Espírito Santo” tocam a Terra e nos chama, a sair em missão, terras à fora”

Chegando ao fim de um ano cheio de incertezas, a Missão Thalita Kum, sobretudo com a Palavra bíblica tema deste ano, chegou aos corações como uma mensagem profética: O povo que jazia nas trevas viu resplandecer uma grande luz” (Mt 4,16).

Sim, é Natal! Tempo de esperança e a Boa-Nova do nascimento de Jesus precisa ser anunciada aos “quatro cantos”, porque, independentemente de qualquer circunstância, como cantado no salmo 88 da liturgia deste último domingo (20): “O amor é garantido para sempre! E a vossa lealdade é tão firme como os céus”. Deus habita no meio de nós, Ele é a LUZ!!!

Leia ainda: Missão Thalita Kum – Uma luz em meio às trevas

Missão em expansão

Assim, a missão que começou nas ruas de São Paulo, este ano se expandiu. A imagem da identidade visual da MTK 2020 traz claramente essa mensagem, onde os pés da “Imaculada do Espírito Santo” tocam a Terra e nos chama a sair em missão, terras à fora.

Nos dias 19 e 20, a MTK foi realizada na capital paulista e em outras duas cidades: Salto/SP e Manaus/AM.

Missão em São Paulo

Em São Paulo, já de forma bem reduzida em relação aos anos anteriores, a missão buscou seguir todas as orientações do Governo e da Igreja, contando com a ajuda de 200 voluntários, divididos por pontos da capital. Além da Aliança, contribuíram para a ação missionária, membros da Fraternidade O Caminho, Toca de Assis, Salesianos, Madre Cabrini, Pastora Nildes do Projeto Ação, Retorno e Vicariato do Povo de Rua.

Nos dois dias de missão, as atividades aconteceram na região central, com abordagem à população em situação de rua; no bairro São Lucas, com evangelização porta a porta; no bairro Jd. Guariaca, com entrega de brinquedos para crianças, e ainda distribuição de 50 Marmitex para os moradores de rua da região (Zona Leste).

Natal dos Pobres

E no domingo, encerrando com o “Natal dos Pobres”, as ações aconteceram na região da Cracolândia. Na ação “O Bom Samaritano” (corte de cabelo, barba e manicure), 350 irmãos foram atendidos e 11 irmãos manifestaram o desejo de mudança de vida, saindo daquela situação.

Antes da Ceia natalina, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, presidiu a Santa Missa, que aconteceu no Santuário Sagrado Coração de Jesus, dos salesianos, contando ainda com a presença de padres do Movimento, dentre eles, padre Custódio, presidente da Aliança.

Palavras do cardeal

Com informações do jornal O São Paulo, durante a homilia, o cardeal ressaltou “que o Natal dos Pobres está, aos poucos, tornando-se uma pequena tradição local. ‘Que essa missão se torne uma tradição que alcance os séculos, porque é uma iniciativa muito bonita e significativa’, afirmou”.

Após a missa, já na ceia, foram entregues: 1500 refeições; 1500 sobremesas; 1500 refrigerantes e 1000 kits de higiene pessoal para a população em situação de rua.

Fique ligado

Acesse o perfil da Aliança, no Botuquara, onde os missionários do local mostram algumas das evangelizações que são realizadas, inclusive algumas fotos do Natal dos Pobres. Clique aqui.

Salto/SP

Já no interior de São Paulo, os missionários da Comunidade de Aliança das cidades de Salto, Itu-Centro, Itu-Cidade Nova e de Sumaré foram os responsáveis pela organização da missão, que teve como local de atividade o centro da cidade de Salto e a comunidade do Marília.

No sábado, os membros passaram nos comércios abertos, mas, não para adquirir algum produto natalino, e sim para deixar a mensagem do verdadeiro e mais significativo presente desta data cristã: O Menino nos foi dado.

Na praça do centro, além do anúncio através da música e do teatro, houve o atendimento de confissão sacramental, contando com a presença do Pe. Gilson, missionário da Aliança, e intercessão das adoradoras que foram ali.

Sinal da presença de Deus

Além disso, muitos outros sinais invisíveis, expressão da própria Luz do Cristo, atingiram os transeuntes, dentre eles, um homem que planejava tirar a sua vida, após o término do seu casamento. Ao se aproximar das intercessoras, ele contou o que houve.

Foi ouvido, acolhido em suas palavras e recebeu uma breve oração. Antes de sair, já diferente de como havia chegado, disse ter sido tocado pela graça de Deus. 

No domingo, todos os membros partiram em missão para a comunidade do Marília, área de bastante vulnerabilidade na cidade.

Dividindo as equipes em evangelizações, uma parte ficou responsável pelo diálogo e anúncio da Boa Nova, através de partilhas com os adultos moradores do local. Já os servos e os artistas fizeram uma ação com as crianças, além do anúncio porta a porta que passou por cerca de 20 casas.

Fique ligado

Essa foi a primeira vez que a Missão Thalita Kum foi realizada na cidade, sendo assim, um momento de muita graça para os membros.

Veja mais sobre a missão da Aliança em Salto/SP, clicando aqui:

Salto/SP

Já no interior de São Paulo, os missionários da Comunidade de Aliança das cidades de Salto, Itu-Centro, Itu-Cidade Nova e de Sumaré foram os responsáveis pela organização da missão, que teve como local de atividade o centro da cidade de Salto e a comunidade do Marília.

No sábado, os membros passaram nos comércios abertos, mas, não para adquirir algum produto natalino, e sim para deixar a mensagem do verdadeiro e mais significativo presente desta data cristã: O Menino nos foi dado.

Na praça do centro, além do anúncio através da música e do teatro, houve o atendimento de confissão sacramental, contando com a presença do Pe. Gilson, missionário da Aliança, e intercessão das adoradoras que foram ali.

Manaus

Na capital amazonense, as atividades iniciaram dia 18, já com o “Natal da Misericórdia”. Cerca de 300 pessoas em situação de vulnerabilidade social foram atendidas. Para essa ação, a Aliança contou com a parceria do movimento Mãos Fraternas, da Fraternidade O Caminho e da faculdade Uninorte.

No final de semana (19 e 20), a praça da Matriz foi o ponto de evangelização, anunciando a alegria do Natal através da música, teatro, dança e pregação. Um diferencial para a missão no local foi o ‘Luau Acordi’, uma evangelização que tem como maior foco os jovens. Para encerrar, no domingo foi feita também uma atividade especialmente para as crianças.

Uma providência de Deus

A missionária Alaíde, uma das organizadoras da missão na cidade, contou que “a ação foi providência de Deus para nossa missão, pois muitos jovens estavam com desejo forte de anunciar o amor de Deus.

Os sinais do cuidado de Deus foram na medida certa, recebemos o necessário e não nos faltou nada. Na unidade de carismas, as irmãs da Fraternidade O Caminho se uniram a nós para esse anúncio do verdadeiro sentido do Natal. Tivemos a graça de ter Jesus Eucarístico na praça o tempo todo. Muitas pessoas agradeceram por nossa iniciativa e uma pessoa em especial disse que éramos um sinal de luz para esse mundo”.

Fique Ligado
Você pode saber mais sobre a missão em Manaus, acessando a página do Instagram.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password