Henrique Fogaça e mais um episódio de desrespeito à fé Católica

Na sexta-feira dia 29 de junho as redes sociais, principalmente o Twitter, fervilharam: o jurado do programa MasterChef que vai ao ar pela TV Bandeirantes, publicou uma ofensiva à fé católica em seu Instagram.

Crítica à Igreja

Tudo começou quando Henrique Fogaça, de férias em Roma, postou um vídeo direto da cripta de São Pio X quando  mostrando os detalhes e dizendo: “Olha a riqueza e quanto pobre morrendo lá fora“. Depois mostrou a caixa de ofertas que fica na frente do túmulo de São Pio X dizendo “Olha aí pra quê pedir dinheiro, o homem já morreu!”

Na sequência de vídeos curtos, primeiro ele diz que “hoje é dia de se confessar aqui com o Papa (sic)” e depois pergunta: “Será que ele vai me redimir?”

Já na saída de seu passeio pela Santa Sé, ele conta que se confessou e que foi absolvido, mas que o padre questionou a camiseta. “Aí eu falei ‘ô, Papa (sic), cê tá desatualizado. O mundo hoje tá assim’”. Sempre bom poder contar com pessoas esclarecidas para dizerem que o mundo está assim ou assado (com trocadilho).

Depois em outro vídeo andando pelo Vaticano disse que o fanatismo religioso cria “impérios milionários como a Igreja Católica“.

Depois publicou uma foto entre duas religiosas sorrindentes. Não seria nada demais se não fosse por alguns detalhes: a estampa de sua camiseta era a de duas lésbicas fantasiadas de freiras se beijando.

Henrique Fogaça em foto com as duas religiosas.
Henrique Folgaça em foto com as duas religiosas.

Além disso, Fogaça colocou na legenda da foto “Orai por nós. Prega per noi. Pray for us”. E para complementar, ele fez uso das hashtags #blasfêmia, #ochoroélivre e #fuckhipocrisia.

Revolta nas redes

Foi o suficiente para desencadear uma onda de indignação contra o apresentador que logo apagou as postagens, porém, como diz um jargão das redes sociais “o print é eterno“, rapidamente a imagem correu.

Católicos e não católicos expressaram revolta com a atitude do chef. Uma usuária do Twitter, Adriana Barbieri comentou: “Recebeu de Deus um anjo para cuidar na Terra e não respeita esse mesmo Deus, bem como a fé das pessoas…lastimável! Vergonhoso!”.

Confira Outros Episódios: 
Lojas Renner se retrata por peça de roupa ofensiva a Nossa Senhora

Ronald McDonald foi colocado na cruz no lugar de Jesus

Queer Museum: profanação de objetos religiosos

Fazendo referência à filha do apresentador que é portadora de uma síndrome rara; não anda, não fala e necessita de cuidados especiais.

Após apagar as postagens ele publicou um texto justificando sua atitude:

“Falaram que sou desrespeitoso. Isso para mim são pessoas desonestas, que matam, roubam… Eu não faço parte disso. Tenho valores, educação, sou trabalhador. Para o bem comum vou tirar o post para as pessoas que ficaram ofendidas. Essa não foi a minha intenção. Sou uma pessoa do bem“.

Até o Pe. Fábio de Melo manifestou-se no Twitter:

“Usar a imagem de duas pessoas que lhe dedicaram gentileza, expondo-as ao ridículo, colocando-as como coadjuvantes de seu protesto, está longe de ser uma atitude de “pessoa do bem”.

Na terça-feira (02/07) Henrique Fogaça gravou um vídeo pedindo perdão pelo ocorrido.

Ofensa gratuita nunca enriquece, pelo contrário desagrega e divide. O que você achou deste fato; foi uma livre expressão ou foi uma ofensa?

Com informações de Gazeta do Povo

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password