fbpx

4° Romaria Filhos da Imaculada

Nos dias 26, 27 e 28 de novembro aconteceu a 4ª Romaria dos Filhos da Imaculada.

A Romaria, realizada pelo grupo da Aliança de Misericórdia em São José dos Campos, reuniu 100 pessoas nesta edição, que peregrinaram até o Santuário Nacional de Aparecida.

Com a palavra de 2Coríntios 4,16 – “Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia” – como guia, os romeiros percorreram todo o caminho em ritmo de oração e devoção.

 

Um caminho de devoção

A peregrinação à locais santos sempre esteve presente na devoção católica. Na Idade Média, era muito comum peregrinações ruma à Terra Santa, para rezar e meditar onde o próprio Cristo viveu.

Aqui no Brasil, a Basílica de Nossa Senhora Aparecida recebe anualmente milhares de peregrinos que buscam nesse trajeto um maior encontro com Deus.

A peregrinação é um caminho de fé, um convite à meditação e uma prática espiritual. É um caminho de conversão, onde o corpo, que se vê perante suas limitações, é convidado a uma experiência única de encontro com Deus que se põe a caminhar conosco.

Quando nos colocamos a caminho, Deus desce, caminha conosco e nos revela, como aos discípulos de Emaús, toda a história de Salvação e as maravilhas que fez em nossas vidas.

Romaria Filhos da Imaculada

A peregrinação do grupo, que já está no seu 4º ano, percorre mais de 80 quilômetros, saindo de São José dos Campos/SP até Aparecida/SP.

Veja como foi o roteiro:

A Missa de envio ocorreu no dia 24, presidida pelo padre Leandro Rasera.

No dia 26, à noite, os romeiros saíram em direção à cidade de Tremembé. Nesta primeira parte, caminharam cerca de 40 quilômetros, e chegaram pela pela manhã.

Depois de descansarem um período, partiram para o segundo trecho, indo para Moreira Cesar. Uma caminhada de 23 quilômetros.

Na manhã do domingo, dia 28, partiram para o último trecho da romaria, rumo à Aparecida. Caminharam por 17 quilômetros até a Basílica, onde participaram da missa das 10h.

Durante todo o trajeto, havia carros de apoio e uma equipe atenciosa, conhecidos como os “anjos do trajeto”, oferecendo água, cuidados e até palavras de superação e motivação.

Os dias de peregrinação são intensos e os motivos que leva a cada peregrino são inúmeros. Mas, sobretudo, fé e gratidão! Na chegada, o cansaço aparente logo dá lugar ao sentimento de superação e a alegria de estar na “Casa da Mãe”.

Clique aqui e acompanhe a missão de São José dos Campos, ficando por dentro da próxima data para a romaria. Viva essa experiência de fé!

 

0 Comments

    Leave a Comment

    Login

    Welcome! Login in to your account

    Remember me Lost your password?

    Lost Password