20 anos da concretização do “Sonho de Deus”

Na virada do ano para 2020, a família Aliança de Misericórdia comemorará 20 anos de fundação. Um Movimento que nasceu do Coração Imaculado de Maria, brotando no coração do Pe. Antonello Cadeddu, do Pe. João Henrique e da Ir. Maria Paula do Cordeiro Imolado. Uma data memorável para esse Carisma que tem por missão ser expressão viva do amor Misericordioso de Deus.

Período de discernimento

Para a fundação da Aliança, o discernimento aconteceu aos poucos. Foi durante a quarentena do Homem Velho – forte período de 40 dias de oração, escuta e discernimento – sua mais forte e “divina” confirmação”.

“Tínhamos um sonho de juventude – eu e Padre Antonello – e em nosso coração ecoava uma Palavra: ‘o Espírito do Senhor está sobre mim’ (Lc 4, 18-19). Ele me ungiu, me consagrou e me enviou para levar uma Boa Nova aos pobres. Um carisma de evangelização sintetizado por Dom Gil no lema da Comunidade, ‘Evangelizar para transformar’. Quando chegamos até o Bispo e falamos sobre o sonho de Deus ele declarou: ‘Eu vejo que esse sonho já é realidade, vocês são a resposta de Deus para este apelo do Espírito à sua Igreja’”.

Nossa Senhora de Guadalupe e a Aliança

“Foi uma surpresa para nós que o fim da quarentena do homem velho caísse na festa de Guadalupe (12/12/1999) e, naquele ano, caía num domingo do advento. A festa de Guadalupe sempre esteve presente na nossa história de uma forma bem especial. Nós sentíamos que o Senhor nos chamava para viver o amor, preferencialmente para os pobres espiritual e material dentro da riqueza que é o carisma do Espírito Santo. Anunciamos esse Pentecostes de Misericórdia por causa de tudo e de todos os sinais”.

20 anos do SIM ao Sonho de Deus

Nos dias da passagem do ano 2000, considerado o ano da Misericórdia, os fundadores e mais de 40 jovens viveram 10 dias de retiro em Atibaia, com o desejo de viver a experiência do Espírito Santo por meio da oração. Diante do tempo de graça, os participantes viveram a concretização do amor do Pai intensamente.

Emocionados com a ação do Espírito, os jovens durante a celebração da Santa Missa, no momento Eucarístico, aceitaram o chamado de Deus para iniciar a Aliança de Misericórdia. Diante de tamanha entrega, a vela presente no altar derreteu e formou uma espada de cera, um sinal vivo da presença de São Miguel Arcanjo.

Momento único, onde foram protegidos e ungidos para a construção do Movimento. Como forma de batalha Espiritual, Jesus permitiu o caminho de consagração diante das lutas que seriam enfrentadas.

Transformando o “sonho de Deus” em realidade, os fundadores disseram “sim” aos planos de Deus que os chamava a serem pontes de misericórdia.

O convite aos primeiros

As primeiras obras foram frutos de muitas entregas, como o Nivaldo, um dos primeiros missionários da Aliança. Um ladrão que aceitou viver intensamente a experiência do amor. Nivaldo carregava como lema a frase de São João da Cruz, parafraseando-o e dizendo que “O amor não cansa e nem descansa”.

Um amor concreto no cuidado com os pobres diante de uma entrega integral no trabalho e na missão,  há 20 anos procurando em cada palavra e gesto, manifestar o amor de Deus. A vida dele era uma imagem viva do amor do Pai, um Bom Ladrão que “roubou” para si a Salvação e o Paraíso.

O cuidado e amor de Deus com os primeiros filhos que iniciaram o Movimento em um pequeno apartamento foi admirável e grandioso. Com evangelizações (como a de rua), os missionários viveram o início da missão com muita entrega e compromisso.

A experiência da providência Divina foi sendo revelada dia após dia, com móveis simples e pouca estrutura para a Comunidade de Vida. Já o grupo Arco-Íris (hoje, Comunidade de Aliança) iniciou os primeiros encontros semanais também na simplicidade pedida pelo carisma.

Através das ações que o Espírito Santo estava realizando, a Aliança teve a oportunidade de receber a primeira acolhida, a Cidoca, que viveu como moradora de rua e teve sua vida restaurada.



O sonho de Deus continua há 20 anos

Hoje, o sonho de Deus continua e comemora 20 anos. Um pequeno grupo que foi se tornando um grande Movimento que constrói pontes de misericórdia entre ricos e pobres, pois “ninguém é tão pobre que não tenha algo para dar e nem tão rico que não tenha algo para receber”.

A missão do Carisma da Aliança é para os pobres espirituais e materiais. Reconhecer neles uma grande escola de espiritualidade há 20 anos, que perpassa a nossa racionalidade, pois é na simplicidade dos pequenos que é possível encontrar a vocação do amor e da misericórdia.

A Aliança transforma a misericórdia em atos concretos de amor, dando a oportunidade do resgate humano, onde as feridas por meio das drogas, pobreza extrema, prostituição ou qualquer outra escravização humana, são curadas pela ação do Espírito.

O Movimento acontece hoje em mais de 8 países com uma grande evangelização que busca alcançar os filhos do Pai através do amor e da doação.

Como família, completamos 20 anos do “Sonho de Deus”, vivendo pela graça Divina, somos chamados a experimentar de forma extraordinária o poder do Senhor, servindo-O e formando cada vez mais pessoas que respondam Seu apelo.

Turma de Formação
Missa do Pe. João Hnerique
Maria Paola
Eveline Barbosa, Maria Paola do Cordeiro Imolado, Mary de Calcutá
Turma de Formação
Nivaldo e amigos

Anterior
Próximo

Fontes:

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password