fbpx

Santa Tereza Benedita da Cruz (Edith Stein) e a Oração pelos Ateus

Santa Tereza Benedita da Cruz, também conhecida como Edith Stein, uma grande Santa e uma mulher extraordinária, que trilhou um caminho de conhecimento de Deus. Sua vida e legado são um grande exemplo para todos os fieis que buscam a Verdade.

Edith Stein nasceu em 12 de outubro de 1891, em uma família judia em Breslau, Alemanha (atualmente Wroclaw, na Polônia). Destacou-se por seu intelecto excepcional e pela busca por conhecimento desde jovem.

Após anos de estudo filosófico e acadêmico, ela se converteu ao catolicismo em 1922 e ingressou no convento das Carmelitas Descalças, adotando o nome religioso de Tereza Benedita da Cruz.

A conversão de Edith Stein ao catolicismo marcou o início de uma jornada espiritual profunda. Como carmelita, ela viveu uma vida de oração e contemplação, buscando estar em união com Deus. Tereza Benedita da Cruz desenvolveu um profundo amor pela humanidade, especialmente pelos não-crentes, ateus e agnósticos.

Ela acreditava que a oração poderia tocar os corações endurecidos e levar a luz da fé até mesmo aos mais céticos. Dedicou-se a uma oração especial pelos ateus, pedindo a Deus que derramasse Sua graça sobre eles, abrindo seus corações para a verdade e para o amor divino.

Em 1933, diante da crescente ameaça nazista à vida dos judeus e dos religiosos, Edith Stein buscou refúgio em um convento carmelita nos Países Baixos. Infelizmente, durante a Segunda Guerra Mundial, ela foi presa pelos nazistas por ser de origem judaica e morreu em uma câmara de gás em Auschwitz em 9 de agosto de 1942.

Em 1998, ela foi canonizada pelo Papa João Paulo II como Santa Tereza Benedita da Cruz, mártir e co-padroeira da Europa.

Oração pelos Ateus

Santa Tereza Benedita da Cruz (Edith Stein) é uma inspiração para todos nós, mostrando que a oração pode ser uma poderosa ferramenta para tocar vidas, incluindo aqueles que ainda não encontraram o caminho da fé.

Sua dedicação à oração pelos ateus e sua coragem diante das adversidades nos lembram da importância de amar e orar por todos, sem exceção. Que possamos seguir seu exemplo de compaixão e dedicação à oração, buscando sempre espalhar o amor e a esperança em nosso mundo. Reze conosco a oração pelos ateus:

“Deus Todo-Poderoso, aceita todas as minhas ações, palavras e pensamentos deste dia. Purifica-os, santifica-os e torna-os úteis para a salvação das almas, especialmente daqueles que não creem em Ti. Guia-os com Tua luz divina e revela-lhes Teu amor misericordioso. Amém.”

 

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password