Meu Céu é Deus

Você lembra do momento em que se encontrou com Deus? Pode ter sido num retiro, ou num momento de solidão, não importa, o encontro aconteceu e foi real.

Alguns podem até fazer esta experiência: fechar os olhos e lembrar não de uma, mas, de várias ocasiões em que, a presença de Deus se fez sentir, onde quase o tocamos. Quer saber se foi autêntico ou não? Tente colocar adjetivos para este momento; conseguem expressar com clareza que o você sentiu e o que Deus é? Se sim, faremos a seguinte experiência de ver nossa conversão ser empobrecida palavras, pois, palavra nenhuma, de idioma algum pode explicar o Céu.

“O que os olhos não viram, os ouvidos não ouviram, o coração do homem não pressentiu, isso Deus preparou para aqueles que o amam”. (I Cor 2, 9)

O Céu é a presença de Deus, a visão da sua face sem intermediários. Ao contrário do que as piadas sugerem, o estado de bem-aventurança, ou seja, o Céu, não é estar o tempo inteiro ouvindo anjinhos cantando, as pessoas a andar nas nuvens ou coisas assim. Lembra da pergunta feita no início da matéria, sobre o encontro com Deus e que as palavras não podiam explicar? Então, o Céu é este estado de plenitude, “encontra-me” com Deus para sempre.

A santidade consiste em buscar viver este Céu, antecipando nesta terra. Viver como se já estivéssemos na presença da Trindade. Claro, temos tantas coisas que turvam a nossa visão; nossos dramas, as tribulações do povo e da sociedade, tudo isso pode enfraquecer a esperança de sermos santos.

Cristo Redentor entre as nuvens
uol notícias/ Cristo Redentor entre as nuvens.

“Tenho para mim que os sofrimentos da presente vida não têm proporção alguma com a glória futura que nos deve ser manifestada”. (Rm 8, 18)

Percebeu como a chave da santidade está em nossas mãos? Quando vivemos experiências fortes com a presença de Jesus e correspondemos a Ele (nos confessando, pedindo perdão, servindo-o, orando, etc), experimentamos alguns instantes do Céu! Nossa vida inteira é feita de “pequenos Céus”.

Sejamos firmes irmãos, mesmo se tudo a nossa volta esconda de nós a presença de Deus, descubramos este véu com a esperança! Nossos irmãos, os santos, intercedem por nós, nos aguardam para o grande banquete de festa na Casa do Pai.

Hoje, agora, corramos para o Céu que está escondido em cada momento da nossa vida e para isso, peçamos a ajuda daqueles que já estão na Presença de Deus.

Todos os Santos do Céu, rogai por nós.

Fernanda Tabosa

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password