10 anos de sacerdócio de Pe. Custódio e Pe. Luiz Fábio

Acervo da Aliança-Ordenação sacerdotal 18-12-2010.

Mensagem dos fundadores pelos

É uma alegria celebrarmos juntos esta data!

Uma alegria estarmos unidos nesta circunstância tão sagrada, nesses 10 anos de ordenação sacerdotal, que celebra a fidelidade de homens que entregaram a Deus a própria vida como sacerdotes.

O sacerdócio é um sacramento que permanece para sempre, é algo Divino.

Algo que tem o sabor da Eternidade.

Por isso que o padre é chamado a trazer o gosto do Eterno; a refletir a beleza daquilo que não passa, o brilho daquilo que não se apaga; a alegria como antecipação do Paraíso desde já na terra.

O sacerdócio nos ensina e nos lembra que nada nessa vida tem valor se não é consagrado ao Senhor. Como servo do Senhor, o padre é chamado a consagrar todos os dias o pão e o vinho, frutos da terra e do trabalho do homem. E também, as lágrimas, as esperanças e as alegrias de todo homem e toda mulher nessa Terra. Tornando tudo isso em momento extraordinário de comunhão com o Senhor, que fez o Céu e a Terra, e que, com a entrega de Seu filho Jesus, resgatou a vida de cada criatura.

Mas, nesse dia, não comemoramos apenas os 10 anos de sacerdócio. Pe. Custódio e Pe. Luiz Fábio são os primeiros padres na Comunidade. Com eles, celebramos o sonho de Deus sobre uma Obra que está nascendo. Os teólogos dizem que são necessários 100 anos para fundar uma Obra, consequentemente, estamos apenas na pré-história da nossa caminhada.

Como a adesão à Cristo dos primeiros apóstolos, que atraiu depois tantos outros, assim o SIM deles é particularmente fecundo, pois é como um centro de unidade e fecundidade para toda a Obra.

Juntamente com o Pe. Antonello, nosso desejo é que esses filhos sejam extremamente fecundos e que o Senhor os recompense por toda a fidelidade, luta, sacrifício, esforço e toda a alegria que nesses 10 anos de caminhada como sacerdote possam ter experimentado.

Deus os abençõe muito. E que o Senhor os mantenha fiéis, generosamente fiéis, cada dia mais, ao chamado que de graça receberam, e que de graça possam administrar para um mundo melhor.

Pe. João Henrique e Pe. Antonello

Padre Luiz Fábio recebe a casula das mãos do Pe. João Henrique.
Padre Custódio recebe a casula das mãos de Pe. Antonello.

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password