fbpx

Redes Sociais – uma reflexão sobre as mídias digitais e a vida espiritual

O homem é um ser sociável. A palavra de Deus nos diz: “não é bom que o homem esteja só” (Gn 2,18) e por isso o ser humano tem a necessidade de se socializar, de estar em contato com as pessoas e partilhar alegrias, tristezas e experiências.

As redes sociais surgiram com o intuito de conectar pessoas, aproximar amigos e familiares distantes e permitir esse contato e partilha entre todos.

São diversas mídias digitais que podemos usar para nos conectar com quem amamos, desde o Instagram, Facebook, Twitter e até mesmo o Whatsapp tem como principal função a interação e contato entre diversos seres humanos, aqueles que amamos e admiramos.

Cuidado com o uso excessivo das redes

Essa possibilidade de contato é algo bom e louvável, mas as redes sociais também oferecem um risco à vida espiritual. Elas tendem a incentivar o uso intensivo e vemos em muitos casos pessoas que passam horas dos seus dias rolando a tela de uma rede social e veem a vida passar diante dos seus olhos sem nenhuma reação.

Existem casos em que as redes sociais e o uso intensivo da internet podem levar ao vício. As relações sociais virtuais não são o bastante para a necessidade humana e é possível que a pessoa acabe se isolando e se sentindo sozinha apenas com as interações virtuais.

Além desses riscos, a exposição, a busca por likes e validação social tem levado jovens a desenvolverem comportamentos depressivos, ansiedades e outros distúrbios psicológicos que podem afetar permanentemente a vida dessas pessoas.

Equilíbrio no uso das redes

Por isso, é importante sempre o cuidado. As redes sociais são canais muito bons de comunicação e até de evangelização, é possível levar a palavra de Deus, o anúncio do amor e da misericórdia através das redes sociais para aqueles que precisam. Mas, é importante tomarmos cuidado para que essa ferramenta não se torne um instrumento que prejudique nossa saúde e nossa vida espiritual.

As redes sociais não podem tomar o tempo separado para nosso trabalho, para o nosso estudo. As redes sociais não podem tomar o lugar do diálogo com nossa família, amigos e não podem nos roubar o tempo de nossas orações.

É importante ter discernimento e equilíbrio, prezando e escolhendo, como Maria, “a Melhor Parte”(Lc 10, 42), aquilo que realmente importa e nos aproxima verdadeiramente de Deus.

6 dicas práticas que podem nos ajudar a usar as redes sociais de forma mais saudável

  1. Saia de grupos e conversas que possam ser tóxicos:

Grupos e conversas extremistas onde há muita discussão podem ser um ambiente tóxico que não ajuda a manter um hábito saudável dentro das redes e por isso vale a pena se afastar desses ambientes.

  1. Apague aplicativos que não te ajudam:

Aplicativos que te fazem perder muito tempo e não te acrescentam em nada podem ser excluídos, se você sente que algum aplicativo está mais te atrapalhando do que ajudando, vale a pena apagar.

  1. Defina um horário para desligar o celular diariamente:

Em geral, o celular é a primeira coisa que pegamos quando acordamos e a última que soltamos, mas esse não é um hábito saudável. Defina um horário para desligar o celular diariamente com pelo menos 1 hora antes de dormir, ou pelo menos desative as notificações, para que seu cérebro possa realmente relaxar e se desconectar para uma boa noite de sono.

  1. Pratique a empatia nas redes sociais:

Sabemos que o ambiente das redes sociais pode ser difícil e tóxico, por isso, use suas redes de forma empática, incentive as pessoas, se coloque no lugar delas, lembre-se que são seres humanos, filhos de Deus.

  1. Procure conteúdos que ajudam sua vida espiritual: 

Existe todo o tipo de conteúdo nas redes sociais e vale a pena acompanhar aqueles que te ajudam na sua vida espiritual. Conteúdos que agregam, que formam e que te levam para mais perto de Deus.

  1. Tire um dia sem redes sociais:

Esse último tópico é um grande desafio, tirar um dia por semana, ou ao menos por mês, fora das redes sociais pode ser difícil no começo, mas fará um bem enorme. Nesse dia, procure passar mais tempo olhando para a realidade a sua volta, se conecte com Deus, com sua família, com a criação a sua volta.

 

Essas são algumas dicas de como levar uma vida digital mais saudável, com essas e outras práticas é possível tirar bom proveito do uso das redes sociais e até usá-la como ferramenta de evangelização, através de uma palavra bíblica, uma reflexão, o compartilhamento de uma obra de misericórdia, etc.

O segredo é o equilíbrio. É saber usar as ferramentas e, como diz Santo Inácio de Loyola, “usar todas as coisas de forma que nos aproximem de Deus”, dessa forma a vivência nas redes sociais será muito mais saudável e proveitosa para a nossa busca diária pela santidade.

0 Comments

    Leave a Comment

    3 − dois =

    Login

    Welcome! Login in to your account

    Remember me Lost your password?

    Lost Password